BEM VINDO

Bem vindo! Este blog tem por fim compartilhar notícias que, talvez, podem ser interessantes aos leitores. Sem tomar partido algum, a intenção aqui é meramente repassar informes sobre assuntos diversos veiculados na mídia, dentro do princípio de auxiliar com oportunidade. Cabe a cada qual, no uso do bom juízo e senso crítico, investigar a fonte e a veracidade das postagens. Os artigos aqui postados foram compilados da "internet" e não refletem necessariamente as ideias ou opiniões deste blogueiro. "Examinai tudo. Retende o bem (Ts 5:21)."



quinta-feira, 17 de novembro de 2011

OPERAÇÕES FRONTEIRIÇAS

OPERAÇÃO
Segunda etapa da Fronteira Sul assusta comerciantes da fronteira
09/11/2011 - 12:00h
Editor: Liliane Dias / Repórter: Dante Quadra
SEGURANÇA OPERAÇÃO
Créditos: Volnei Bones
O Exército do Brasil voltou às ruas de Foz do Iguaçu no início desta semana, com a segunda etapa da Operação Fronteira Sul. O efetivo que conta com cerca de 700 homens, entre militares, Polícia Militar, Civil, Rodoviária e Federal, tem como objetivo fiscalizar o contrabando e descaminho de mercadorias que entram no país principalmente pela fronteira com o Paraguai. As fiscalizações que logo no início mostraram força na cabeceira da Ponte Internacional da Amizade, deve se concentrar no Rio Paraná e Lago de Itaipu, além da BR 277.
A operação que desta vez começou de maneira discreta, sem a movimentação de tropas e equipamentos militares, chega na época em que o comércio da fronteira mais lucra com os compradores de fim de ano. A Federação de Câmaras de Comércio de Cidade do Leste, questiona que embora estas ações tenham como foco o tráfico de armas e drogas, acabam afetando apenas o comércio da cidade paraguaia. Apenas este ano de 2011, duas grandes operações já foram realizadas na região trifronteiriça, se a maior, a Ágata II, desencadeada no mês de setembro.

Os lojistas de Cidade do Leste e da Vila Portes, em Foz do Iguaçu, estimam que este ano durante as operações, as vendas caíram cerca de 80%. Os empresários esperavam reverter o quadro nestes dois últimos meses do ano, quando a lojas mais faturam com as vendas de natal. Outra hipótese na diminuição do movimento é alta do dólar nestes últimos meses, retomando o valor de R$ 1,75 apenas neste mês de novembro.


ASSISTA OS VÍDEOS RELACIONADOS:

video









Nenhum comentário:

Postar um comentário

"O que me preocupa não é o grito dos corruptos, dos violentos, dos desonestos, dos sem caráter, dos sem ética... O que me preocupa é o silêncio dos bons."(M.L.King)
"LIBERDADE É CONHECER AS AMARRAS QUE NOS PRENDEM"